Covid-19: Começam a funcionar câmeras que medem temperatura das pessoas no metrô de Salvador

Equipamentos têm capacidade de identificar aqueles que estão com a temperatura acima de 37,8º C.
Câmeras que medem a temperatura

Câmeras monitoram temperatura de passageiros no metrô de Salvador — Foto: Mateus Pereira/GOVBA

Câmeras que medem a temperatura das pessoas começaram a operar nas estações da Lapa e Pirajá do metrô de Salvador. Os equipamentos, que estão funcionando desde segunda-feira (1º), são usados nas ações de combate ao coronavírus, já que o estado febril de uma pessoa pode ajudar na identificação da infecção por Covid-19.

Os equipamentos têm capacidade de identificar, em tempo real e em meio à movimentação de diversos passageiros, aqueles que estão com a temperatura acima de 37,8º C.

“O sensor ajusta, através dos raios infravermelhos, identifica o calor corporal da pessoa e acusa no sistema de câmeras e no sistema de vídeo as pessoas que estejam sintomaticamente febris”, explica Eduardo Copello, diretor presidente da Companhia de Transportes do Estado da Bahia (CTB).

O diretor presidente da CTB explica que os passageiros identificados pelas câmeras são abordados e levados para a sala de primeiros socorros das estações, onde recebem informações de segurança e isolamento, e também fazem o teste rápido para a detecção da Covid-19.

Copello conta que a concentração de passageiros nas estações de metrô de Salvador está reduzida por causa do isolamento social, mas ainda assim as estações têm grande movimentação de pessoas.

“Temos um acesso que está reduzido por causa do isolamento social, mas hoje, por aqui [Estação Pirajá], passam cerca de 113 mil pessoas ao dia. Pelo horário que estamos fazendo [o monitoramento], das 7h às 19h, nós estamos alcançando uma triagem aqui de 12 mil pessoas na estação Pirajá e na mesma proporção na Estação da Lapa”, explica.

Sugerida pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), que adquiriu os equipamentos, a instalação foi realizada pela CTB, órgão vinculado à Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur), com o apoio da CCR Metrô Bahia, empresa responsável pelo transporte.

Uma equipe de 16 pessoas, entre técnicos de enfermagem e de informática, passou por treinamento para a utilização do equipamento. As estações da Lapa e Pirajá foram escolhidas por serem as de mais movimento do sistema, mas de acordo com o governador existe possibilidade de expandir a ação para outras estações da capital baiana.

Monitoramento da temperatura de pacientes no metrô de Salvador — Foto: Mateus Pereira/GOVBA

Quer saber mais sobre as câmeras e com implantar elas em seu ambiente?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abrir no Whatsapp
Precisa de ajuda?
Olá,
Podemos lhe ajudar?